• Blog do HRAC Centrinho-USP

    Este é o Blog oficial do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da Universidade de São Paulo (USP), mantido pela Assessoria de Imprensa da instituição.
  • Na mídia‬:

  • TV TEM: Reportagem especial mostra principais pontos de Bauru

    HRAC/Centrinho-USP é destaque em matéria especial dos 120 anos de Bauru. Principais pontos da cidade foram escolhidos pelos telespectadores.

  • HRAC/Centrinho na série ‘Joias do Interior’, da TV TEM

    Neste novo vídeo, quem conta sua história e fala sobre o tratamento é a jovem Gabriela Viana e sua mãe, Claudinéia, de Bauru. Clique na imagem e confira!

  • Dia a dia do Hospital (Jogo de Cintura, TV TEM, 04/10/14)

    O dia a dia do Centrinho-USP. Histórias de gente que é exemplo de superação, dedicação e alegria!

  • Primeiros sons (Fantástico, TV Globo, 07/09/14)

    Crianças escutam pela 1ª vez e têm reações emocionantes

  • Sistema FM (TEM Notícias, TV TEM)

    Teste

    Centrinho usa sistema FM para facilitar aprendizado de crianças com problemas auditivos. Reportagem: Evandro Cini

  • Implante Coclear (Encontro com Fátima Bernardes, TV Globo, 11/11/14)

    Encontro com Fátima Bernardes mostra tecnologias que auxiliam a vida de pessoas com deficiência, como a do pequeno Enzo, usuário de implante coclear

  • Fissura labiopalatina (Bem Estar, TV Globo, 24/06/13)

    Programa Bem Estar, da TV Globo, exibe matéria sobre tratamento da fissura labiopalatina. Reportagem: Giuliano Tamura

  • Fissura labiopalatina (Hoje em Dia, Rede Record)

    Quadro "Você e o doutor", do Programa Hoje em Dia, da Rede Record, destaca cuidados com bebês com fissura labiopalatina

  • Fissura labiopalatina (Hoje em Dia, Rede Record, 16/11/11)

    Record faz reportagem especial sobre fissura labiopalatina. Confira!

  • Centrinho tatuado (Jornal da Cidade, Bauru, 13/04/12)

    A história de Gabriela Oliveira da Silva, 22 anos, gaúcha, moradora de Pelotas, não é só de recuperação de saúde, vida social e gratidão, mas também de homenagem ao tratamento que recebeu nos últimos 20 anos no Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da USP (HRAC/USP) de Bauru, conhecido como Centrinho.

  • Estadão

    Hospitais paulistas que atendem pacientes de todo o país foram destaque em reportagem do jornal O Estado de S. Paulo. Clique na imagem acima e confira a matéria na íntegra, que também aborda o trabalho do Centrinho-USP.

  • Imprensa destaca 20 anos do implante coclear no Brasil

    Dia 14/5/2010, reportagem foi destaque no programa Direto da Redação, veiculado nacionalmente pela Record News

  • “Nosso Mural” informativo de comunicação interna

    Essa é uma publicação semanal do Centrinho-USP, parte das estratégias de comunicação interna do Hospital.
  • A instituição

    Hospital localizado em Bauru (SP), Brasil, que oferece tratamento integral nas áreas de anomalias craniofaciais, síndromes associadas e deficiências auditivas via Sistema Único de Saúde (SUS).

  • Instituições parceiras

Trabalho desenvolvido no Laboratório de Fisiologia do Centrinho-USP é premiado

Um estudo desenvolvido no Laboratório de Fisiologia do Hospital Centrinho-USP foi premiado como melhor trabalho científico – na categoria “Motricidade Orofacial – Graduação” – no 22º Congresso Fonoaudiológico de Bauru (Cofab).

Intitulado “Tratamento da insuficiência velofaríngea por meio do retalho faríngeo após a veloplastia intravelar: Resultados de fala e respiração”, o trabalho tem autoria de Camila Tomazi Rissato (foto), aluna do quarto ano de Fonoaudiologia da FOB e pesquisadora de iniciação científica no Laboratório de Fisiologia do HRAC, sob a orientação da fonoaudióloga Renata Paciello Yamashita.

Também são autoras do trabalho as fonoaudiólogas Rafaeli Higa Scarmagnani, doutoranda do Centrinho-USP, e Ana Paula Fukushiro, orientadora do Programa de Pós-Graduação do Hospital e professora do Departamento de Fonoaudiologia da FOB.

O estudo
O trabalho premiado comparou os resultados de duas abordagens cirúrgicas para correção da insuficiência velofaríngea em pacientes com fissura palatina, e os impactos sobre a nasalidade da fala e a respiração.

Por meio de exame e questionário específicos, o estudo apontou que 71% dos pacientes que realizaram apenas a cirurgia de retalho faríngeo (grupo RF) e 60% daqueles que realizaram veloplastia intravelar mais retalho faríngeo (grupo VI+RF) apresentaram ressonância normal de fala.

Em 57% dos pacientes do grupo RF e em 33% dos pacientes do grupo VI+RF ocorreu o aparecimento ou agravamento dos sintomas respiratórios (como respiração oral, ronco e dificuldade respiratória durante o sono) após a cirurgia.

Os achados mostraram uma tendência do retalho faríngeo – quando realizado como único procedimento cirúrgico – ser mais eficiente na eliminação da hipernasalidade da fala. Por outro lado, esta mesma abordagem cirúrgica levou a maior prejuízo da respiração em comparação ao retalho faríngeo realizado após a veloplastia intravelar.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: